O STJD é a cara do Brasil

Para o torcedor tricolor que está (justamente) revoltado com a decisão do STJD de suspender Borges, Dagoberto e Jean, ofereço pouco conforto. Era esperado. Aquilo que falei há poucos dias da “preferência” do Flamengo nos tribunais, não era uma provocação barata. É uma constatação. Borges merecia mais do que três jogos, Dagoberto e Jean, não mereciam mais do que a suspensão automática. Agora, por favor, que dêem um passo à frente os que argumentam que o São Paulo “tem força nos bastidores”. Tem. A força de uma ameba anestesiada.

PS1: “Dagoberto pegar três jogos faz sentido. Jean pegar três jogos é roubo. Roubo!” Do blog de Juca Kfouri.

Anteriores

Mais reflexão

Próximo

O STJD é a cara de um Brasil

2 Comments

  1. Raphael

    as penas do Borges e Dagoberto acho corretas, mas suspender o Jean foi totalmente imoral.

  2. Alexandre

    Sua análise é perfeita; a pena do Borges é justa, a do Dagoberto cabe discussão (apesar de, para mim, ser uma falta normal de jogo) e a do Jean é absurda.

Os comentários estão desativados.

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén

Top