Nesta sexta-feira 27/05, o inglês Manchester United finalmente confirmou a contratação do treinador português José Mourinho. A chegada de “Mou” à Old Trafford (Manchester/Inglaterra), foi especulada pela imprensa esportiva mundial desde o início de 2016.

O treinador estava desempregado desde que o também inglês Chelsea, o demitiu no último mês de dezembro. Segundo informa o periódico inglês The Guardian, Mourinho assinou um vínculo de 3 anos na última quinta-feira, três dias depois de confirmada a demissão do treinador holandês Louis Van Gaal.

O periódico espanhol El País ressaltou palavras do lusitano, que disse estar honrado em ser o novo treinador do Manchester United. Mourinho ainda afirmou que o clube “é conhecido e respeitado em todo o mundo”, além de ostentar “uma mística que nenhum outro clube consegue igualar”.

O atual diretor executivo do United, Ed Woodward enalteceu a experiência de Mourinho na Premier League inglesa, devido as suas exitosas gestões frente ao Chelsea, de 2003 a 2007 e 2013 a 2015. O desafio de “Mou” à frente do United é no entanto bastante árduo, incluindo a necessidade de tornar o clube novamente competitivo, em âmbito continental.

Possíveis aquisições.

Ainda é cedo para especular quais atletas do Manchester United deve vir a contratar. É certo que haverá uma grande lista de dispensas, mas maiores confirmações só deverão acontecer após o término da EURO 2016, em julho.

O The Guardian afirma que a diretoria red devil disponibilizará cerca de 153 milhões de Libras, para Mourinho dispender em contratações. O periódico da Inglaterra afirma que André Gomes (atacante/Valencia), Mauro Icardi (atacante/Internazionale), Alvaro Morata (atacante/Juventus) e John Stones (zagueiro/Everton), estão inclusos na lista de pretendidos por “Mou”.

A imprensa europeia ainda reforça um possível interesse do United no sueco Zlatan Ibrahimović, que não renovou seu contrato com o francês Paris Saint-Germain. Ibrah por sua vez confirmou publicamente nos últimos dias, ofertas vindas da Inglaterra. Mourinho possui boa relação com o sueco desde a época em que trabalharam juntos na italiana Internazionale, na temporada 2008/2009.

Ibrahimović nunca atuou na Premier League, tendo sido relacionado ao Arsenal ainda no início de sua carreira, em negociação que nunca se concretizou. Mais além, sueco já era desejado por Mourinho, quando este planejava dirigir o Chelsea pela segunda vez, algo que ocorreu em 2013. Ibra porém seguiu no PSG.

Em preparação para disputar a EURO pela Suécia, Ibrah afirmou à imprensa nesta semana, que mantém contato pessoal com Mourinho desde a época em que deixou a Internazionale.

Imagem de Mourinho em Londres (Inglaterra) nesta sexta-feira: Will Oliver – EFE