Amadorismo azul

Caso o Grêmio escale mesmo um time reservacontra o Flamengo para a partida no Maracanã, estará só – e não mais do que isso – comprovando a incapacidade de se candidatar a ser uma potência nacional na “nova elite” do futebol brasileiro.  Não é preciso ser um gênio para imaginas jogadores do Grêmio nem com o time titularíssimo entrariam com toda aquela vontade – até porque a torcida gremista quer mais é que o time perca mesmo e ferre o Colorado.

Contudo, há algumas poderações interessantes. Primeiro, a atual diretoria, comandada por Duda Kroeff não teve um ano sensacional e pode fechá-lo provando que está à altura de dirigir o Guarani de Bagé, mas não um time que pretende se candidatar com força nacional. Mesmo que a torcida queira, os dirigentes precisam – até por compromissos com patrocinadores, parceiros e meios de comunicação – fazer tudo para que o Grêmio que vá a campo no domingo seja o melhor possível.

Segundo, torcedores e dirigentes gremistas podem fazer o que quiser, mas entregar o jogo (formalmente ou não) não sairá mais da memória dos rivais. E não só colorados: sãopaulinos e palmeirenses também terão prazer em colocar o Grêmio como inimigo número 1 e numa situação similar, afundar o concorrente.

Terceiro, cogitar formalmente entregar o jogo como faz o Grêmio é um sintoma de uma disfunção brasileira (não só gremista) em relação à desportividade. Um campeonato tão disputado não merece acabar com um jogo semifraudado e o Grêmio não estará jogado “pelo Colorado” como dizem alguns – mas pela correção e desportividade. O próprio torcedor flamenguista prefere vencer um Grêmio jogando sério para validar seu título. Claro, sempre haverá um debilóide que celebra a vitória roubada, fraudada, dizendo que o que importa é ganhar, mas esse merece comer feno pelo resto da vida. Ou nem isso.

Por fim, tecnicamente – vamos e venhamos – nem o Grêmio completíssimo não tem bala na agulha para ganhar do Flamengo no Rio. Se a partida do Maracanã fosse decidir o rebaixamento do Grêmio além do título do Flamengo, os gremistas estariam mortos e enterrados. Alguém poderia lembrar da épica “Batalha dos Aflitos”, mas esse time de hoje é um fantasma anêmico e esquálido do time que venceu o Náutico e o Flamengo é um dos melhores times do campeonato (sagrando-se campeão, será o melhor – literalmente).  A bravata de jogar a toalha serve também para fazer com que o Grêmio passe maquiagem na própria incapacidade. Afinal, perder um jogo tendo abdicado dele dá a impressão de que havia alternativas – e não há.

Jogar sério seria a melhor coisa a se fazer. Para todo mundo.

Anteriores

Sem reclamação, mas com reclamação

Próximo

Cabeça quente não ajuda

12 Comments

  1. ramflabr

    Cara, voce ja de cara destroi e desvaloriza o Flamengo. Detonou Inter, SP, Cruzeiro, Atletico-MG, Palmeiras, Fluminense e Botafogo, alem de Santos ate na Vila… Quer mais?

    Se o Fla nao merece ser campeao entao quem merece? Serio mesmo, so pode ser ridiculo este comentario sobre favorecimento. O blog do Mauro Beting mostra que o time mais favorecido nos utlimos 4 anos somados foi o SP, inclusive nesta temporada. E o Flamengo esta entre os menos favorecidos…

  2. ramflabr

    Cara, voce ja de cara destroi e desvaloriza o Flamengo. Detonou Inter, SP, Cruzeiro, Atletico-MG, Palmeiras, Fluminense e Botafogo, alem de Santos ate na Vila… Quer mais?

    Se o Fla nao merece ser campeao entao quem merece? Serio mesmo, so pode ser ridiculo este comentario sobre favorecimento. O blog do Mauro Beting mostra que o time mais favorecido nos utlimos 4 anos somados foi o SP, inclusive nesta temporada. E o Flamengo esta entre os menos favorecidos…

  3. Diogo Terra

    Cassiano, não acho que o Grêmio vá entregar; se algum dirigente gremista falou alguma coisa nesse sentido (tudo, é claro, devidamente amplificado pela imprensa, louca para capitalizar com qualquer polêmica, com ou sem fundamento), foi pra fazer aquela média asquerosa com alguma organizada acéfala. Mas também não se pode esperar que o tricolor da Azenha dê até a última gota de sangue para complicar a vida do Flamengo. O que talvez nem seja necessário: este é mestre em se complicar sozinho…

    O cenário mais provável é mesmo uma derrota, algo nada surpreendente dada a escandalosa campanha gremista longe do Olímpico. E que se enterre esse assunto de “entregar” de uma vez, algo tão chato quanto as insinuações de mala-branca, tão comuns da parte daqueles que preferem botar a culpa nos demais a assumir os próprios erros.

  4. Diego

    Essa direção do Grêmio já provou ser amadora há muito tempo. É notória a decepção da torcida gremista com os mandatários do clube.
    Eu sou um dos poucos gremistas que defende a utilização dos titulares no jogo de domingo, pois odeio o Flamengo tanto quanto odeio os Morangos, mas sou voto vencido nessa discussão. O que eu lamento é que tem-se direcionado para o Grêmio, principalmente aqui no RS, a culpa de um eventual e provável título do Flamengo, enquanto que da incompetência do Inter ninguém fala. Ora, um time que perdeu para o patético Botafogo em casa merece ser campeão? Creio que não!
    Espero que o time que entre em campo defenda as cores do Grêmio como a instituição merece. O Grêmio é um dos maiores times desse continente e não é à toa. que se honre o manto tricolor no domingo. Caso o Flamengo vença, terá sido por sua competência e não por corpo mole do Grêmio. Admito que não ficaria profundamente triste por uma eventual derrota do meu time, mas o que não aceito é a simples “entrega” do jogo e sei que isso não ocorrerá.
    Ah! O Inter já tem os 3 pontos na conta contra o Santo André? que eu saiba não. E basta ver o jogo contra o Sport para saber que o Inter não terá facilidades para vencer o time do ABC. Só imagino o Santo André tirando ponto dos morangos e o Grêmio empatando no Maracanã. Qual vai ser o discurso do “moderno” Fernando Carvalho?

  5. Diego

    Essa direção do Grêmio já provou ser amadora há muito tempo. É notória a decepção da torcida gremista com os mandatários do clube.
    Eu sou um dos poucos gremistas que defende a utilização dos titulares no jogo de domingo, pois odeio o Flamengo tanto quanto odeio os Morangos, mas sou voto vencido nessa discussão. O que eu lamento é que tem-se direcionado para o Grêmio, principalmente aqui no RS, a culpa de um eventual e provável título do Flamengo, enquanto que da incompetência do Inter ninguém fala. Ora, um time que perdeu para o patético Botafogo em casa merece ser campeão? Creio que não!
    Espero que o time que entre em campo defenda as cores do Grêmio como a instituição merece. O Grêmio é um dos maiores times desse continente e não é à toa. que se honre o manto tricolor no domingo. Caso o Flamengo vença, terá sido por sua competência e não por corpo mole do Grêmio. Admito que não ficaria profundamente triste por uma eventual derrota do meu time, mas o que não aceito é a simples “entrega” do jogo e sei que isso não ocorrerá.
    Ah! O Inter já tem os 3 pontos na conta contra o Santo André? que eu saiba não. E basta ver o jogo contra o Sport para saber que o Inter não terá facilidades para vencer o time do ABC. Só imagino o Santo André tirando ponto dos morangos e o Grêmio empatando no Maracanã. Qual vai ser o discurso do “moderno” Fernando Carvalho?

  6. Cassiano Gobbet

    Meu caro, há uma diferença abissal entre uma coisa e outra. Verdade que o Inter já estava com o campeonato liquidado, mas o jogo não foi na última rodada e o clube não tinha decretado “férias” para o elenco. Quanto ao benefício do Flamengo no cômputo geral, é até constrangedor discutir. Para cada vez que o Fla foi prejudicado, foi ajudado em 10. E deixando claro: NÃO ACHO QUE ISSO SEJA “ROUBO” DO FLAMENGO. É uma coisa que ocorre a favor do time maior em qualquer país (na Itália, chamam isso de “submissão psicológica”). Isso, falando da arbitragem. No STJD, não. Aí não é só proposital – é confesso – vide episódio Vagner Love. Isso tudo, claro, supondo a boa fé do sistema…abs

  7. Gilson

    Independentemente de escalar titulares ou reservas, isso é uma prerrogativa inalienável dos gaúchos, o que precisa haver é uma boa explicação do porquê da escolha, caso optem pelos reservas, e luta, esforço, dedicação por parte dos titulares da partida de domingo. Ganhar, empatar ou perder é do jogo.

    Protagonizar aquele triste papel do Corinthians no último domingo é que não dá. O campeonato não merece.

  8. Hani Hassan - Teresópolis-RJ

    Você está certíssimo, Cassiano. Sou flamenguista e quero muito o título, porém se o ganharmos em uma partida entregada, será uma marca negativa em um título tão grandioso.

    Isso é atitutde de time pequeno e ficará muito feio para o Grêmio. Eu, como flamenguista, ficaria profundamente envergonhado se o Flamengo, em uma situação parecida, entregasse o jogo a algum time que estivesse concorrendo com o Vasco, por exemplo. Soa como despeito.

    Quero muito que o Flamengo ganhe na bola, que supere de fato nosso rival de domingo. Se houver a entrega, o Flamengo não tem nada a ver com isso, não diminuirá nossos méritos, mas ficará essa marca de termos vencido um time frouxo pelo caminho.

    SRN!

  9. ram_fla_br

    Sem querer defender o Gremio ou a entrega do jogo, mas quando ano passado o Inter entrou com time reserva para entregar o campeonato para o Sao Paulo, ninguem se escandalizou. Parece que os gremistas que disputavam o caneco na ocasiao estao so tirando uma curticao com isso…

    E outra, porque a cronica ja vem redirecionando a ocasiao de um possivel titulo do Fla? Toda cronica na internet so fala dos “jogos mal apitados”, da “entrega do Gremio” bla bla bla… Mas o que ninguem quer admitir e que mesmo o SP foi favorecido no jogo crucial contra o Barueri. Ja Inter e Palmeiras nao merecem o titulo, assim como o SP. Foram incapazes de ganhar bem do Flamengo, ou ate do Fluminense… So porque e pontos corridos, e meio ridiculo que o campeao seja aquele que fez boa campanha contra o meio da tabela.

    Ao time do Gremio faltou um bom atacante, e um bom lateral. Jogando em casa ganhou tudo, mas fora de casa nao soube aplicar a tradiconal retranca. Nunca fui fa deste time, mas acho injusto critica-los agora. Todos estes anos os times paulistas vem fazendo jogo de comadre para dividir titulos entre si, especialmente nos jogos com os pequenos… No primeiro ano em que um pequeno, Santo Andre, resolveu jogar serio, ganhou do Palmeiras rsssss

    Somente tres times merecem o titulo 2009: Flamengo, Fluminense e Cruzeiro. Destes tres, o que teve melhor returno foi o Fla, e teve um primeiro turno razoavel. Se os outros dois tivessem jogando alguma bola no turno teriam chegado nas cabecas competindo com o Flamengo… Mas a Libertadores foi prioridade para Cruzeiro, e o Fluminense foi mal escalado pela Unimed.

  10. Concordo integralmente. Sem mais.
    Abs

  11. Raphael

    concordo com as 2 análises, de que o Grêmio tem que entrar com o time titular e que isso seria uma forma de valorizar a vitória e consequente conquista do Flamengo, e que também, independente do time que jogar, é extremamente dificil o Flamengo não vencer esse jogo… tem que se jogar sério e com o tão falado profissionalismo sempre.

  12. Caroline

    Isso é próprio deles.
    Vão entregar o jogo.
    Não há dúvidas.
    Mas isso é coisa de pipoqueiro
    Coisa de gazela mesmo.

Os comentários estão desativados.

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén

Top