Nestas terça e quarta-feiras teremos os jogos de volta das quartas de final da Champions League 2014/2015. Barcelona e PSG se enfrentam na Catalunha, ao passo que FC Bayern e FC Porto jogam em Munique (Alemanha), ambos os jogos na terça-feira.

O derby Real Madrid x Atlético de Madrid acontece no Santiago Bernabéu, assim como Monaco e Juventus no Principado de Mônaco, ambas as partidas ocorrendo na quarta-feira. PSG, FC Bayern e Real Madrid convivem com panoramas delicados, uma vez que lesões físicas fustigaram peças importantes de três planteis que se colocam entre os mais caros da Europa.

Tendo vencido o PSG por 3×1 em Paris no jogo de ida, tudo aparentemente se mostra a favor do avanço do Barcelona para as semifinais da CL. Os catalães venceram o Valencia no compromisso de La Liga do fim de semana e seguem em primeiro lugar. Nesta terça, a equipe de Luís Enrique pode perder por até dois gols de diferença para o PSG, dentro do Camp Nou.

Porém, o PSG mostrou-se moralmente intacto na rodada de fim de semana da Ligue 1. O time de Laurent Blanc visitou o Nice, batendo-os por 3×1 com Javier Pastore chamando a responsabilidade para si, e anotando dois gols. O PSG lidera a liga francesa e entrou em campo já com David Luiz no miolo de zaga, mas porém sem Thiago Silva que também não deve atuar contra os culés. A inconstância de ambos proporcionou o baile de Suárez na defesa parisiense, no jogo de ida contra o Barça.

Blanc ainda poupou Maxwell, Matuidi e Verratti na vitória contra o Nice. Ibrahimović suspenso e Thiago Motta também não estiveram presentes. O primeiro é presença certa na Catalunha. O panorama é duro, obrigando os parisienses a fazerem pelo menos 3×0. Não sofrer gols do Barcelona sem dispor de seu sistema defensivo titular, é o grande desafio da equipe comandada por Blanc.

No outro jogo da terça-feira o drama é latente para o lado do FC Bayern. A equipe bávara pentacampeã da CL tem que reverter também um 3×1 imposto pelo FC Porto em Portugal. O resultado habilita os dragões portugueses a avançarem mediante uma derrota por 2×0. O Bayern tem um leque absurdo de jogadores entregues ao departamento médico.

São eles: Robben, Schweinsteiger, Javi Martinez, Alaba, Ribery e Götze. Alguns ausentes já no confronto de ida. O que torna o quadro ainda mais terrível foi o pedido súbito de demissão do médico Hans-Wilhlem Müller Wohlfarht, na última semana.

O doutor Hans serviu o Bayern nos últimos 38 anos e saiu por divergências pessoais com o treinador Pep Guardiola. Uma classificação do tradicional FC Porto, bi-campeão da CL se vê probabilíssima.

Na quarta-feira.

Após o 0x0 no derby de ida, o Atlético de Madrid volta a enfrentar o Real Madrid, agora nos domínios blancos do Santiago Bernabéu. O time colchonero se classifica para as semifinais obtendo vitória simples ou empate com gols. Na liga espanhola, o time do treinador Diego Simeone bateu o La Coruña por 2×1 fora de casa no sábado, o suficiente para manter o terceiro lugar na tabela.

1429472307_751882_1429472622_sumario_normal

C. Ronaldo e Gareth Bale (a direita) sentido lesão na panturrilha no último sábado pela liga espanhola. O problema veta o galês para o derby contra o Atlético. (Foto: Gerard Julien – AFP)

Por outro lado, o Real Madrid teve uma rodada trágica no fim de semana. Os merengues bateram o Málaga por 3×1 seguindo na vice-líderança do torneio. Porém, Modrić sentiu lesão no joelho direito e Gareth Bale atuou apenas por três minutos, saindo devido a um estiramento no músculo da panturrilha. Ambos, fundamentais no esquema tático de Carlo Ancelotti, estão fora da partida desta quarta-feira.

O problema de Ancelotti em seis dos últimos sete derbies contra o Atlético que venceu seis e empatou o último, foi não ter a escalação ideal blanca a disposição. Algo que subentende Modrić, Bale, James Rodriguez e Kroos no time titular. Tudo vai se desvelando a favor de uma classificação do Atlético. Além dos dois importantes desfalques, Pepe segue entregue ao departamento médico, Marcelo está suspenso e Benzema, poupado no fim de semana é dúvida.

No Principado de Mônaco a italiana Juventus tentará manter a vantagem obtida na vitória por 1×0 sobre o Monaco. Os bianconeri seguem sem Pogba, mas terão o retorno do meia Andrea Pirlo, ausente na partida de ida. A vecchia signora deve avançar diante de um Monaco que já chegou onde poderia.

No Brasil a Champions League está sendo transmitida pela ESPN e pelo Sports +. Na tv aberta, Globo e Band exibem Barcelona x PSG na terça. Na quarta-feira a Esporte Interativo exibe Real Madrid x Atlético de Madrid.