Ninguém pode acusar Amauri de não ter se esforçado. Contratado pela Juventus em 2008 por R$55 milhões, o atacante de 30 anos parece estar entregando os pontos. Atormentado por seguidas lesões e por pressão de parte da torcida, ele estaria pensando em jogar a toalha. O Napoli, onde teve breve passagem em 2001 (antes de passar por Piacenza, Chievo, Messina, Empoli e Palermo), vê nele o homem gol que precisa para dar peso ao ataque. Na proposta entraria o também ítalo-brasileiro Santacroce, cortejado há tempos pela Juve. Duas coisas são certas: primeiro, um entre Amauri e Iaquinta sai até junho; segundo, a Juventus contratará um centroavante após isso acontecer.

PS: esta nota foi publicada no Diário Lance! em 28/10.