No fim da semana passada o técnico Muricy Ramalho deixou o cargo a disposição da diretoria do São Paulo Futebol Clube, pretensão prontamente recusada pelo vice-presidente do clube Luiz Paulo Cunha. O ambiente no Morumbi era de “day after” após o time ter sido derrotado de forma categórica pelo Palmeiras, por 3×0 na última quarta-feira. A partida era válida pelo Campeonato Paulista, que já teve nova rodada neste domingo.

Ler mais