Santos e Neymar – prova de maturidade

Na quarta-feira, no Pacaembu, o menino dourado do Santos, Neymar, deu a sua primeira prova de maturidade. Sim, foi a primeira. Em nenhuma outra partida realmente decisiva e relevante do Santos, Neymar havia sido o que se espera de um jogador com suas ambições.  Mesmo reconfortado de jogar ao lado de Ganso, Neymar jogou como o jogador que se espera dele. Isso não é pouco.

Continue lendo “Santos e Neymar – prova de maturidade”

Derrota corintiana é sintoma e não o problema

Eu estava na dúvida se escreveia sobre a derrota do Corinthians e sua humilhante desclassificação na Libertadores. Digo isso porque não é de hoje que eu digo que o Corinthians tem um time mediano com dois jogadores capazes de desequilibrar quando estão em forma. E no caso, não estão. Assim, onde está a notícia, uma vez que, para quem queria ver, o desfecho foi absolutamente previsível? Continue lendo “Derrota corintiana é sintoma e não o problema”