Erro de avaliação

Não importa a época, a circunstância ou o momento. Sempre que o Milan perder em casa para o Empoli, uma luz vermelha terá de, obrigatoriamente, se acender no vestiário ‘rossonero’. Pode ser que algum dos três aspectos acima sirva para explicar ou até justificar o incidente. Mas a investigação tem de ser feita. Continue lendo “Erro de avaliação”

A revolução das pizzas

Não dá para falar que a sentença dada ao ‘Calciocaos’ da Itália acabou em pizza na cara larga. Afinal, a Juventus, clube que teve o maior comprometimento no escândalo de Luciano Moggi, caiu para a Série B e terá uma dedução de 17 pontos no próximo torneio. Só que a revisão das sentenças deixou, indiscutivelmente, um sabor de pizza no final da refeição. Continue lendo “A revolução das pizzas”

A melhor

Muita gente poderia se surpreender se, antes da Copa, fosse dito que Fabio Cannavaro levantaria o troféu em Berlim com Marco Materazzi fazendo o gol que manteve a Itália no jogo até os pênaltis. Mas de surpresa o resultado não teve nada. Continue lendo “A melhor”

De um a onze

Ganhar duas partidas seguidas não é fácil. Na Série A, menos ainda. Mas esta Roma, uma Roma muito menos badalada do que a do ano de Batistuta, Emerson e do ‘scudetto’, conseguiu o sucesso em onze rodadas consecutivas. Um recorde absoluto em mais de um século de competição. Continue lendo “De um a onze”

Em obras

Ainda não dá para dizer quem é mais forte. Pelo menos, não pelos resultados e performances conseguidos pelos times italianos nas primeiras partidas amistosas da temporada. Explica-se: os times da Série A começaram as suas pré-temporadas em datas bastante diferentes, levando em consideração a data de seus primeiros compromissos oficiais. Inter e Udinese, por exemplo, enfrentarão a fase eliminatória da Liga dos Campeões, e por isso, têm de estar prontas mais cedo. Continue lendo “Em obras”

A foto da campeã

O primeiro campeonato italiano com vinte times em cinqüenta anos terminou com um veredicto dentro do esperado: Milan e Juventus se batendo até o final e vitória do clube piemontês. A Juve não foi o melhor time do Italiano, mas foi o mais regular e se beneficiou do fato do Milan ter tido mais duas fases na Liga dos Campeões. Foram somente três jogos, mas três jogos muito absorventes. E numa luta tão parelha, foram decisivos. Continue lendo “A foto da campeã”