Champions League: quartas de final – jogos de ida – encerrados.

As partidas de ida das quartas de final da Champions League já estão encerradas. Os favoritos FC Bayern e Barcelona ostentam boas vantagens, ao passo que o Real Madrid foi surpreendido e o Manchester City se vê muito próximo da classificação.

Jogos de terça-feira.

Na terça-feira o FC Bayern se deparou contra um aplicado Benfica, no Allianz Stadium (Munique/Alemanha). O Bayern obteve uma vitória pelo placar mínimo de 1×0 (gol de Arturo Vidal), tendo alguma dificuldade para superar a proposta defensiva, dos águias lusitanos.

Na partida de volta em Lisboa (Portugal), o Benfica precisa vencer por 2×0 para se classificar sem maiores contratempos. Os bávaros avançam caso a partida termine empatada em 0x0.

Os holofotes porém estavam voltados para a Catalunha (Espanha), onde o Barcelona venceu o Atlético de Madrid por 2×1, apenas quando ostentou vantagem numérica de um homem a mais. Autor do gol colchonero, Fernando Torres foi expulso, minutos depois de anotar o tento durante o primeiro tempo.

A partida foi distinta em suas duas metades, com o Barcelona tendo grande dificuldade frente a postura defensiva rojiblanca. Com um homem a mais os culés empataram e viraram na segunda etapa, valendo-se de dois gols de Luís Suárez. O Atlético segue vivo podendo se classificar em caso de vitória por 1×0.

Jogos de quarta-feira.

Na Alemanha, um aplicado Wolfsburg recebeu o poderoso Real Madrid sendo que os lobos alemães fizeram o improvável, impondo 2×0 sobre os galácticos merengues. Os alemães exploraram falhas defensivas dos blancos, sobretudo nas costas dos seus laterais Danilo e Marcelo.

O Wolfsburg abriu o placar em cobrança de penalti de Ricardo Rodriguez aos 17 min, após Casemiro ter se chocado com Andre Schürrle, em sua própria área merengue. Arnold ampliou aos 24 min, após jogada trabalhada, iniciada pelo ídolo alemão Schürrle, pela esquerda do ataque alemão.

O time alemão comandado pelo treinador Dieter Hecking, deu um passo considerável rumo à classificação, podendo se classificar caso a partida de volta em Madrid (Espanha) termine empatada em 0x0 ou em derrota por 1×0, para o Real Madrid.

Em París (França), uma partida eletrizante entre Paris Saint-Germain e Manchester City foi marcada por várias trapalhadas defensivas, tanto do PSG quanto dos citzens. Logo no início, o PSG teve um penalti duvidoso marcado em cima de David Luiz Ibrahimović cobrou mas o goleio Joe Hart defendeu.

O City abriu o placar após grande jogada de seu ataque, em que o volante brasileiro Fernando roubou a bola no meio-campo. A jogada envolveu a defensa parisiense e culminou com Kevin De Bruyne abrindo a contagem aos 37 min.

Enquanto a transmissão ainda reprisava a imagem do gol do City, Ibrahimović aproveitou desatenção do próprio Fernando, após saída de bola curta do goleiro Hart. Ibrah pressionou o volante adversário e finalizou, empatando o jogo em 1×1 aos 40 min, num lance tolo por parte dos citzens.

Na segunda etapa, Rabiot virou para o PSG aos 58 min, aproveitando jogada de escanteio. A partida seguiu equilibrada até os 71 min, quando o brasileiro Fernandinho se aproveitou de uma sequencia de falha dos defensores parisienses, para empatar o jogo em 2×2.

Os dois gols marcados fora dão uma boa vantagem ao City na partida de volta, ostentando a vantagem do empate em 0x0 ou 1×1. 2×2 leva o jogo para a prorrogação e 3×2 dá a classificação ao PSG.

As partidas de volta da quartas de final da Champions League já acontecem na próxima semana. Na terça-feira Real Madrid x Wolfsburg se enfrentam em Madrid (Espanha), ao passo que o Manchester City recebe o PSG em Manchester (Inglaterra).

Na quarta-feira, Atlético de Madrid x Barcelona jogam no Vicente Calderón (Madrid/Espanha) e Benfica x FC Bayern entram em campo em Lisboa (Portugal).

Imagem de Ricardo Rodríguez do Wolfsburg comemorando o gol: Odd Andersen – AFP.