PSV Eindhoven: De Jong à espera do Atlético de Madrid.

O holandês PSV Eindhoven visitará o Atlético de Madrid no Vicente Calderón (Madrid/Espanha), nesta terça-feira. A partida valerá como jogo de volta das oitavas de final da Champions League. Os holandeses, que já venceram o torneio em 1988, avançam caso obtenham um empate com gols, devido ao 0x0 no jogo de ida.

Há quase 15 dias, o PSV atuou em seus domínios do Phillips Stadium (Eindhoven/Holanda), desfalcado de seu principal atacante, Luuk De Jong então suspenso. Luuk é irmão se Siem, atual jogador do inglês do Newcastle United sem que ambos tenham parentesco com o veterano volante Nigel De Jong, ex-Manchester City, Milan e atual LA Galaxy.

Designado num 4-3-3, o PSV do treinador Phillip Cocu torna-se funcional com Luuk postando enquanto homem referência. A equipe explora muito o jogo pelos lados do campo, apostando em jogadas aéreas. O periódico espanhol El País ressaltou palavras de Diego Simeone, técnico do Atlético, enaltecendo as qualidades do atacante suíço naturalizado holandês.

“Cholo” Simeone elogiou a movimentação do atacante, incluindo-se no jogo sem bola. Além de ressaltar tanto as qualidades de finalização de De Jong, quanto a possibilidade de passar a bola em boas condições para os companheiros. O El País destaca sua capacidade de jogar de costas para o gol, abrindo espaços para Locadia e Narsingh.

Volta por cima.

O El País colheu ainda um depoimento do zagueiro espanhol Álvaro Domínguez, ex-“Atleti” e atual Borussia Moenchengadbach (Alemanha), ex-companheiro de Luuk neste time alemão. Álvaro afirmou que o atacante do PSV tem boa envergadura, contando ainda com capacidade de finalizar com as duas pernas.

Nas palavras do defensor, a não adaptação do atacante à Bundesliga alemã, foi algo incomum. Luuk De Jong havia sido levado para Alemanha, contratado junto ao inglês Newcastle. Luuk (25 anos) sofria com comparações desfavoráveis em relação ao irmão mais velho Siem (27 anos), um meia-atacante.

Porém neste momento Luuk contabiliza 25 gols em 36 partidas na temporada, um número expressivo. A torcida do PSV o toma como ídolo, tendo inclusive criado um cântico que enaltece sua capacidade no jogo aéreo, fundamento típico da escola holandesa.

O zagueiro Álvaro Domínguez ainda ressaltou que o PSV pode valer-se da bola longa, lançada às costas de Luuk De Jong, explorando sua velocidade. A tendencia é que a partida desta terça seja “espelhada” mais uma vez, devido aos estilos de jogo similares do time holandês e do Atlético, ambos baseados nos contra-ataques.

O PSV é um clube tradicionalíssimo na Holanda, 22 vezes campeão da Eredivisie. O clube é lembrado por ter contado com atacantes de renome como os brasileiros Romário e Ronaldo “fenômeno”.

Em seus 102 anos de história o PSV já teve em suas fileiras o mito do futebol holandês Ruud Gullit (ex-Milan e Chelsea), o artilheiro Ruud Van Nisterlrooy (ex-Manchester United e Real Madrid), além de Arjen Robben (atual FC Bayern).

Atlético de Madrid e PSV Eindhoven jogam nesta terça-feira às 16:45 hr (horário de Brasília). A partida só será transmitida para assinantes do Esporte Interativo Plus/EI Maxx.

Imagem de Luuk De Jong: M.V. Hoorn – EFE