Três jogadores de quem eu gosto

Os três são, para mim, excelentes opções de perspectiva para a Itália dos próximos anos, mas estão tendo suas carreiras mal gerenciadas, indo de clube em clube e não se firmando. Jogadores de futebol são míopes quando vêem um bom dinheiro em suas contas bancárias. Nãos e dão conta de que poderiam ganhar muito mais com um pouco de paciência e dedicação.

O primeiro, nem é tão novo. Alessandro Diamanti já tem 27 anos, mas já está sme seu oitavo clube. É um trequartista interessante, embora eu ache que seu emprego melhor seria como atacante pela mobilidade e bom arremate. A incerteza na definição de sua posição é um dos problemas que vejo na sua carreira. Agora, fala-se em um retorno dele à Fiorentina (por onde passou quando o clube toscano tinha o famigerado nome de Florentia Viola). Poderia fazer uma dupla legal com Gilardino, se Gilardino aceitasse o papel de trascinatore da Fiore.

O segundo é Antonio Candreva. Assim como Diamanti, já passou por mais clubes do que deveria para ter somente 23 anos (está em sua quinta equipe). De trequartista clássico a meio-campista puro, Candreva variou menos que Diamanti, mas sempre chega e impressiona mais nos treinos do que em campo. Não se firmou na Juventus do ano passado porque ninguém que não um gênio o faria. Precisa de espaço num time como terceiro homem de meio-campo com liberdade para chegar ao ataque (como no Milan de hoje, por exemplo). Precisa se firmar num clube e posição ou será uma eterna promessa.

O último é Claudio Marchisiomarchisio-1 by mitgift, 24 anos, centrocampista centrale da Juventus. Marchisio para mim seria uma opção certeira para um meio-campo com três homens. Precisa melhorar na força física e marcação e se converter num box to box midfielder. Se fizesse isso, poderia virar um jogador de ponta. Outro que eu acho que não é valorizado como poderia por conta de mau gerenciamento. Assim como Candreva, acho que faria um meio-campo excelente com outros dois (digamos, na Juve, com Sissoko e Aquilani). Sofreu na temporada passada com o mau campeonato da Juve e sofre neste ano com a concorrência de Aquilani, porque Delneri prefere um 4-4-2 com um interditor e um regista ao lado de dois externos.

Entre esse, só Marchisio eu vejo como potencial grande jogador, mas o tempo está ficando escasso para ele conseguir esse espaço. A sensação que ele ainda deixa é a de um volante que não marca tão bem ou de um meia que não é grande coisa na armação. Acho que isso rola porque ele precisa melhorar fisicamente e buscar mais o jogo – especialmente na chegada à área rival. Os três pagam pela política de não-valorização dos jovens que enterra a Itália num lodo futebolístico. Como disse Sacchi, investimento em scouting e espaço aos jovens são necessários.

8 respostas para “Três jogadores de quem eu gosto”

  1. Não. Se o Leonardo for o escolhido, é para um contrato de dois anos. O Moratti não quer um traghettatore porque admitiria o próprio erro. O mais próximo disso seria o Zenga, que só ficaria depois de junho em caso de título, mas isso é BEM improvável. E o Mourinho não é louco de voltar. abs

  2. Mudando um pouco, apenas um pouquinho, de assunto, mas continuando na Itália, mais especificamente na Inter, você acredita nesses boatos que dão conta de um Leonardo traghettatore até junho e Mourinho voltando em julho?

    A coisa, apesar da neve e do frio, parece estar pegando fogo por lá!

  3. Há cerca de um ano, lia um comentário de um jornalista espanhol – acho que era espanhol, not sure – e o cara dizia que entre os méritos do Guardiola até então estava a descoberta do Pedro. E o sujeito está coberto de razão. Descobrir um diamante bruto como Messi e puxá-lo para o profissional é fácil.

    O difícil é conseguir descobrir gente aparentemente comum que poderá crescer no ambiente profissional, em um determinado esquema de jogo etc. como foi o caso do Pedro. O futebol, por mais paradoxal que possa ser, é fácil. Mas ao mesmo tempo, é difícil. 😛

    Quem dirige precisa ter uma percepção realmente especial nessas situações. E em algumas outras.

  4. Ciao Matteo. Non sapevo che Diamanti aveva la testa calda, ma di sicuro di dovessimo trovare dei giocatori con la testa buona, non ci sarebbe un’undici per tutta la Serie A. Credo che Candreva abbia pagato l’annata della Juve e Marchisio farebbe benissimo con Aquilani ed un interditore, ma con Delneri, é difficile ipotizzare un centrocampo a quattro (e c’é anche Krasic, che di sicuro dev’essere un chiodo fisso). Poi, se Sacchi non sará capace di riorganizzare i vivai, a breve termine L’Italia sará all’altezza del Belgio. Abbracci anche a te.

  5. O Sorensen é recomendação de empresário e está só por empréstimo. Pertence ao Lyngby, da Dinamarca (seu país natal). abs

  6. Sobre as revelações, o Marchisio é de certeza a melhor opção para a azurra. O Candreva tem que mostrar realmente que pode atuar em alto nível, já o Diamante, eu sempre o vi como um jogador comum muito em função do clube que ele atua no momento. Creio que existam outros jogadores de qualidade no futebol italiano para integrar uma possível lista.

    Giovinco sumiu do cenário. Não vejo ninguem falando mais do baixinho. Outro que falam boas coisas é Mateo Destro, do Genoa.

    Parabéns pelo blog e pela psotagem. Se tiver tempo, o convido para passar no meu blog: vamosfalardeesportes.blogspot.com

    Grande abraço,
    Nelsinho Lima.

  7. Vi jogos do Diamanti nessa temporada, e cheguei a conclusão igual a sua: a carreira dele é péssimamente gerenciada. Tem bola para estar em uma equipe melhor, e tem potencial pra isso. Jogador habilidoso, com ótima visão de jogo, tem técnica, dá pra ver no dominio e controle de bola.

    Dessa lista, fico com a tua opinião, o que tem mais margem de progressão é o Marchisio, mas sei lá, parece que ele ainda não despertou totalmente, não teve uma sequencia de boas atuações, e o tempo vai passando, e ele pode ficar no caminho.

    Obs: De onde veio esse Sorensen, defensor da Juventus? É “cria” da base bianconera?

  8. Oi C, tb? Sono d’accordo con quanto hai scritto. Su Diamanti devo aggiungere che è sempre stato considerato una ‘testa calda’ per non dire una ‘testa di c’. Per quello è arrivato tardi in serie A e poi in Inghilterra. Adesso ha che visto la Nazionale.. forse riuscirà a darsi una regolata, ma ormai è tardi.
    Candreva non mi convince. La Juventus dell’anno scorso ha fatto schifo, però lui non è riuscito a strappare la conferma.
    Marchisio è veramente bravo. Hai ragione che nel modulo di Del Neri fa fatica (infatti sta giocando a sinistra). Chi l’ha rovinato di più, però, è stato Lippi. Al Mondiale l’ha usato a sinistra, in mezzo e come trequartista e purtroppo ha giocato sempre malissimo (non stava neanche bene fisicamente). Comunque ottimo giocatore, in prospettiva e non solo, il migliore dei tre.
    Certo che la non valorizzazione dei giovani (insieme a tanti altri problemi) sta rovinando il calcio italiano. Un abbraccio. Anche a E. Ciao.

Os comentários estão desativados.