Juve e Milan têm destino traçado

Está praticamente definido o rumo que tomarão Juventus e Milan na próxima temporada. Na Juve, que volta a ter um Agnelli no comando – Andrea, filho de Umberto e sobrinho de Gianni – o contrato com Rafa Benitez está praticamente definido, principalmente depois da desclassificação do Liverpool na Europa League. No Milan, Leonardo, cuja saída já foi confessada por Silvio Berlusconi, o banco de reservas seria comandado por Filippo Galli e Mauro Tassotti, dois milanistas históricos, com o técnico da ‘Azzurra’, Marcello Lippi, no cargo de diretor técnico.


PS: Este post foi publicado no Diário Lance! no dia 01/05

6 respostas para “Juve e Milan têm destino traçado”

  1. Acho nome provavel. O Berlusconi é um cara de mídia e sabe que o Filippo Galli nao tem o apelo necessário. van Basten tinha sido descartado porque nao queria assumir um time, mas nesta semana as coisas mudaram de figura. No fim, pode ser até o Valdyr Espynozha. abs

  2. caramba, Lippi no Milan! interessante ver qual será de fato o papel dele…

Os comentários estão desativados.