A força do tempo

“Não podemos bobear. Vacilamos em Quito. Temos mais fome de glória do que o time de Dunga, que eu respeito muito”.Nunca imaginei que um dia pudesse ver Diego Armando Maradona, gênio e marrento argentino, desfilando humildade diante de um adversários – especialmente o Brasil.

Depois dessa, passo até a acreditar que Dieguito tenha tomado jeito…