Não há um jeito certo de se trabalhar um clube de futebol, mas certamente há um jeito errado: o do Manchester City. Os Citizens são os maiores gastões da Europa e são os que têm o pior rendimento financeiro no continente. Um ponto do City na Premier League custou o equivalente a €3 milhões; cada vitória, €8 milhões. E sair do ano com uma Copa da Inglaterra é seguramente um fracasso retumbante, talvez até maior do que o do Real Madrid.

Ler mais