Decidi escrever novamente sobre torcida, bairrismo e afins. Mais uma vez volto a um assunto que é a cara do jornalismo esportivo no Brasil: uma discussão com hálito de cerveja com torresmo. Papo de boteco. Pretendo não mais escrever sobre variações do tema. Futuras ocorrências de falta de educação ou déficit intelectual serão ignoradas. Aos leitores frequentes e não frequentes, mas educados, fica meu sincero pedido de desculpas.

Ler mais