Pivô do escândalo que tirou a França da Copa do Mundo na campanha maios vergonhosa da história do torneio, o atacante Nicolas Anelka decidiu processar o diário esportivo francês «L’Équipe».

Ler mais