Tag: América

Copa América: variações táticas da Colômbia de Pekerman.

Após vencer o Brasil por 1×0 na última quarta-feira a Colômbia obteve os seus primeiros três pontos no grupo C da Copa América 2015. Obteve também algum respiro devido a pressão que a imprensa de seu país lhe impôs, após a péssima estreia contra a Venezuela, na qual perdeu por 1×0.

Ler mais

Uma derrota com cara de seleção – ou vice-versa

Não sei bem por onde começar uma crítica à performance da Seleção Brasileira (que atualmente está sequestrada e mantida em cativeiro pel CBF) na partida contra o Paraguai e na Copa América. Tudo que eu possa dizer neste texto parecerá repetido, e por isso, perdão aos leitores. Mas mesmo já tendo visto seleções ruins e um odor de corrupção, soberba e mediocridade dentro da CBF, não me lembro de outra gestão que fosse tão incômoda quanto a de Mano Menezes.

Ler mais

Beatificação e exorcismo de um trio de craques

Você tem 19 anos. Ganhou seu primeiro título importante recentemente (antes, fez um sem-número de jogadas de efeito, mas nunca havia decidido nada relevante). Todo mundo diz que você vai superar o maior jogador de todos os tempos. Sua família vive às suas custas desde que você ainda era um pré-adolescente; seu empresário garante que não há diferença entre você e Messi. Daí, você vai para um torneio de seleções e do alto da sua experiência de 19 anos, não decide e o mundo, que até ontem o consagrava como um craque, o chama de firuleiro. Quem você é? Um menino de 19 anos que deveria ser protegido por alguém que se preocupasse.

Ler mais

Um domingo de futebol Brasileiro

Duas partidas da Seleção Principal no mesmo dia e nenhuma surpresa . Na vitória e na derrota (sim, porque empatar com a Venezuela não é bem um empate), o Brasil não decepciona (ou melhor, não decepciona, mesmo quando decepciona, porque o que se espera dele sempre vem). E mesmo com todos os atenuantes, dá paa ver que a mediocridade da Era Dunga, na verdade, não era dele – é da gestão teixeiriana. E essa mediocridade, que teve um breve hiato durante a presença de Scolari no cargo, continua forte. E abaixo, seguem algumas notas sobre o cinzento domingo de futebol.

Ler mais

O primeiro troféu

Não era muito difícil prever que a partida que valia a Supercopa Italiana, entre Milan e Lazio, tinha um favorito. De um lado, um time que vinha de um título europeu e um ‘scudetto’; do outro, um que se salvou por pouco da falência e que teve de vender seus melhores jogadores para rearrumar a casa.

Ler mais

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén

Top