Cultura é cultura…

Normalmente, quando alguém em algum lugar quer tentar classificar uma alteração ou desvio de padrão aparentemente não racional segundo os próprios critérios, atribui à “cultura”. Rigor com as leis na Alemanha? Cultura. Preferência por um futebol mais lento e com o “Playmaker” mais baixo na Itália? Cultura. Incapacidade ou dificuldade extrema em aceitar regulamentos imutáveis no Brasil? Cultura. Basicamente qualquer coisa se encaixa no molde. Continue lendo “Cultura é cultura…”