Logo que a janela de transferências se abriu no primeiro dia de 2019, já havia alguma repercussão a respeito das prioridades do PSG. A imprensa francesa rapidamente relacionou o clube de Paris ao meia galês Aaron Ramsey, ainda pertencente ao inglês Arsenal. Fora isso, o próprio treinador Thomas Tuchel afirmou que a prioridade eram dois meio-campistas.

Nos últimos dias foi dado como certo um acerto entre Ramsey e a italiana Juventus, o que já faz do galês pretensão fora dos planos do PSG. Em paralelo às notícias vindas da imprensa francesa, alguns rumores ligavam o PSG a suposto interesse no meia brasileiro Allan, do italiano Napoli, jogador que recebeu recente convocação para a seleção do Brasil.

Nas primeiras horas desta sexta-feira 11 de janeiro, o jornalista Leonardo Bertozzi (ESPN Brasil) apurou junto a imprensa italiana informação de que realmente há alguma movimentação entre PSG e Napoli, em nome dos direitos federativos de Allan. Segundo a Gazzeta Dello Sport o valor pedido pelo Napoli poderia chegar a 80 milhões de euros.

Com 28 anos, Allan é atleta do Napoli desde 2015, tendo sido revelado no futebol carioca pelo Vasco da Gama. Ainda na América do Sul o jogador passou pelo carioca Madureira e pelo uruguaio Maldonado. Chegou a Europa em 2012, contratado pelo espanhol Granada, clube que logo o repassou à italiana Udinese por empréstimo. Em 2015 o Napoli pagou pouco mais de 11 milhões de euros pelo jogador.

Haveria uma facilitação no tramite, uma vez que o PSG do xeique Nasser Al-Khelaifi mantém boas relações comerciais com o Napoli do mandatário (e cineasta) Aurelio De Laurentiis. Junto ao Napoli o PSG adquiriu seus primeiros reforços vultuosos, após a compra do clube parisiense por Nasser. Em julho de 2012 o xeique pagou 30 milhões de euros aos partenopei pelo argentino Ezequiel Lavezzi (hoje no chinês Hebei Fortune). Um ano depois Nasser voltou a Nápoles para desembolsar 55 milhões de euros por Edinson Cavani.

Allan contabiliza duas aparições pela seleção brasileira com algum destaque, as duas na última data FIFA de jogos de seleções de 2018, em compromissos contra Uruguai e Camarões. A julgar pela idade, o meio-campista parece ter sido vítima de um tipo de miopia que acomete treinadores da seleção do Brasil. O atleta poderia já ter servido o Brasil nas copas de 2014 e 2018.

Os números de Allan pelo Napoli na presente temporada são bons, contabilizando 24 partidas e 2 assistências. O jogador acabou projetado pelo bom futebol apresentado enquanto o clube foi treinado pelo técnico Maurizio Sarri, hoje no Chelsea. Uma maior preponderância acabou por incidir sobre Allan nesta temporada 18/19, após a saída do também brasileiro Jorginho (naturalizado italiano), que Sarri levou consigo para Londres (Inglaterra).

A julgar pelas peças a disposição de Thomas Tuchel no plantel do PSG, não há nenhuma similar a Allan, pressupondo sua capacidade defensiva, uma vez que o mesmo praticamente se formou no futebol italiano. É a peça de reposição para a iminente saída do superestimado Adrien Rabiot e não será um meia ofensivo obrigado a atuar recuado.

Após a inesperada eliminação da Copa da Liga francesa nas quartas de final, no último meio de semana, o PSG retorna a campo neste sábado pela rodada 20 da Ligue 1. O líder isolado da liga francesa visitará o Amiens às 14 hr.

Confira vídeo com lances de Allan

Imagem de Allan em jogo contra o PSG pela Champions League: AFP

Dados: Transfermarkt

Sortie de but

– Treinando em separado do grupo principal, o citado Rabiot segue relacionado ao Barcelona. Em coletiva nesta sexta-feira, o técnico Thomas Tuchel afirmou que não teria problemas em reintegrar o meio-campista ao plantel principal. Tuchel deixou claro que a ausência do atleta é ordem da direção do clube.

– Segundo o L’Équipe, Rabiot seguirá com o “PSG b” para compromisso entre os dias 14 e 17 de janeiro, nos Emirados Árabes. O jornal ainda afirma que Rabiot poderia ser a peça de reposição que o Chelsea gostaria de ter para o lugar do espanhol Fàbregas, finalmente anunciado pelo Monaco. A imprensa francesa dá a entender que pode haver uma proposta dos blues pelo meio-campista francês.

– Ainda no setor de meio-campo do plantel do PSG, há grande possibilidade de saída do veterano volante Lassana Diarra. O jogador de 33 anos (ex-Real Madrid, Arsenal, Olympique Marselha e Chelsea) entrou em campo em apenas quatro oportunidades nesta temporada 18/19.