Manchester United: Mourinho aniversariante em busca de uma final

3000

Nesta quinta-feira o Manchester United entrará em campo em partida de volta, válida pelas semifinais da Capital One Cup (copa da liga inglesa). Os red devils detém dois gols de vantagem no confronto contra o Hull City, que acontecerá no KCOM Stadium (Hull/Yorkshire).

O United retornará a campo após o empate em 1×1 diante do Stoke City no último sábado, confronto válido pela Premier League que também marcou a chegada de Wayne Rooney ao topo da artilharia histórica do clube. O gol do empate red devil foi anotado pelo atacante inglês, contabilizando seu tento número 250.

Completando 53 anos nesta quinta-feira, o treinador José Mourinho falou à imprensa na última quarta-feira, sobre as cobranças em relação ao atacante Anthony Martial. O técnico disse que o atacante francês precisa mostra maior empenho, ainda que ele Mourinho tenha afirmado que o francês “não perdeu o foco”.

O aviso se dá imediatamente após a negociação de Memphis Depay (agora no francês Lyon), um dos sete atletas que o United tinha a disposição para duas posições ofensivas de lado de campo, no time titular. Mourinho afirmou que dar titularidade absoluta à Martial neste momento seria como “matar os outros cinco”, aptos a jogar na mesma função.

Segundo o periódico inglês The Guardian, Mourinho ressaltou que a repreensão a Martial nada tem a ver com o fato do atleta ter passado o fim de semana em Paris (França). O treinador disse que os jogadores podem fazer o que bem entendem, quando não são relacionados. Martial não ficou nem no banco, no citado empate contra o Stoke.

No fim de 2016 Martial conviveu com problemas conjugais e a imprensa inglesa ressalta os números do jogador na recente temporada, um pouco abaixo de sua primeira temporada em Old Trafford. Contratado junto ao Monaco por 36 milhões de libras em 2015, o francês anotou 17 gols em 45 aparições na temporada 2015/2016. Na atual contabiliza 20 jogos e apenas 6 gols.

Nova maratona de jogos

Favorito contra o Hull City nesta quinta-feira, caso se confirme o avanço do United à decisão da Capital One Cup, Mourinho estará garantido em sua primeira grande final à frente dos red devils. O vencedor do confronto desta quinta, jogará contra o Southampton que eliminou o Liverpool na quarta-feira.

Mais além os times ingleses se defrontarão com nova maratona de três partidas em seis dias. No fim de semana acontecerão jogos da quarta rodada da FA Cup e nas próximas terça e quarta-feiras, teremos a rodada 23 da Premier League. O United enfrentará o Wigan no domingo pela FA Cup e o Hull City novamente na terça, mas pela Premier League.

Mourinho expressou que espera não ter problemas com lesões. Entretanto o técnico afirmou que promoverá rotações na escalação titular. O zagueiro marfinês Eric Bailly não retorna a tempo para enfrentar o Hull nesta semifinal, mas deverá estar a disposição no fim de semana. Isso uma vez que a seleção da Costa do Marfim foi eliminada na primeira fase da Copa das Nações Africanas.

Hull City e Manchester United entram em campo às 17:45 hr (horário de Brasília). A ESPN anunciou transmissão da partida na tv brasileira.

Imagem de Mourinho (a esquerda): Oli Scaff/AFP/Getty