Itália pode adiantar volante para melhorar marcação

Os campeões mundiais seguem buscando a melhor forma para defender o título. Para reforçar a marcação da saída de bola adversária, o técnico Marcello Lippi experimentou uma formação diferente com o meio-campista juventino Claudio Marchisio no papel de trequartista (modo como os italianos chamam o meia que atua atrás dos atacantes). Acostumado a jogar mais recuado, Marchisio ofereceria assim uma resistência maior à saída de bola dos rivais. Na defesa, outra mudança: Chiellini deve passar da zaga para a lateral, posição na qual começou a carreira. Lippi está empolgado com o jovem Bonucci para jogar ao lado de Cannavaro. Os cortes da Azzurra parecem definidos: Sirigu (goleiro, Palermo), Bocchetti (zagueiro, Genoa), Cossu (meia, Cagliari), Quagliarella (atacante, Napoli) e Rossi (atacante, Villarreal).

PS: esta nota foi publicada no diário Lance! em 01/06

Cassiano Gobbet
Cassiano Gobbet é jornalista, formado pela Universidade de São Paulo e mestre em jornalismo digital pela Bournemouth University.
Top